2 de abr de 2012

Mundo voraz (Desafio aceito)

Ouvi! Em bom tom
E vorazes o mundo veloz
Desperta e lute!
Os ventos que sopram,
O universo que conspira,
Ruas, avenidas, todo
O barulho urbano,
Me inspirando a viver.
Em sagrados ritmos e estranhos rituais
Vivo a vida urbana desse mundo voraz.

Senti! Com forte dor
E realidade o mundo veloz
Lute e vença!
Os objetivos são futuros,
A batalha é no presente,
Passado, passou, todos
Os caminhos na mesma direção,
Arrependimento somente se não arriscar
Com sagrados amigos e estranhos rituais
Vivo a vida urbana desse mundo voraz.

Ouvi! Senti! no fundo da alma
O mundo me chamar,
Gritar o meu nome
´´Venha, faça e seja´´
O mundo veloz
Me fez um voraz desafio
E eu aceitei!

Nenhum comentário:

Postar um comentário